Amor (in)condicional

Muitas pessoas vivem a vida declarando o seu amor. Amor por pessoas, amor por coisas. Tudo para essas pessoas é amor.

Mas será que esse amor tão declarado é um amor incondicional?

Acredito que não. O que se vê muito por aí é um amor totalmente condicional. É o que eu chamo de Ame Se…

Eu amo se você….

Eu amo você, desde que você não me contrarie. Amo você desde que você continue sempre exatamente como você é e não mude e nem evolua em sua vida. Eu amo meu marido, ou minha esposa, desde que ele não faça cara feia para mim. Eu amo meu trabalho, mas não me peça para ficar até mais tarde um só dia porque aí já é abuso né.

Você já se deparou com alguém assim?

Você já fez alguma coisa parecida com isso?

O amor verdadeiro vem de dentro para fora. Ele não cobra nada em troca. Quem compartilha o amor incondicional apenas ama. Simples assim.

Não cobre amor. Dê amor.

Agora se para você amar alguém depende do que o outro faça, ou depende se ele lhe agrada ou não, então está na hora de você rever esse seu amor.

Mas antes de tudo, ame-se.

Já dizia o mandamento: “Amai ao próximo como a ti mesmo”. Então ame-se e será muito mais fácil amar o próximo.

Gostou?
Compartilhe com carinho

Deixe uma resposta