Comunicação não violenta: o segredo para um relacionamento feliz

Veja algumas dicas de como se comunicar melhor com quem você ama

Você já ouviu aquela frase “se fosse fácil chamaria miojo não relacionamento”? Pois é, infelizmente essa é uma verdade em muitos casais no Brasil. Os índices de divórcio estão aumentando, pessoas estão acabando com as próprias vidas e as vidas de outros, sendo que a causa principal de muitas discussões de casal não é resolvida: a comunicação. Você sabia que a maior incidência de brigas de casais é logo após que se chega do trabalho? Simples: chegamos cansados e irritados com alguma coisa do trabalho e acabamos descontando sem querer em quem a gente ama. Por isso, aqui vai a primeira dica: ao chegar em casa, tome um banho. Isso mesmo, tome um banho! O banho relaxa e faz com que nossas energias negativas do dia desçam ralo abaixo!

A segunda dica é um pouco mais séria, porém possível de ser realizada: assuma as suas responsabilidades dentro do relacionamento. O que é isso? Saia do jogo do culpado, ou seja, pare de colocar a culpa sempre no outro e perceba onde você errou, onde você pode melhorar e comece a agir. Em outras palavras, abaixe suas armas e olhe para dentro de si.

Sabe a famosa DR? Esqueça. Comece a conversar de verdade com seu parceiro ou parceira. Veja como lidar com as diferenças de forma inteligente, com sabedoria e amor. Se expresse de um jeito onde o outro consiga entender e sentir o que você está falando e não simplesmente uma “lavação de roupa suja”, com diversas informações sendo jogadas de qualquer jeito. Tão importante do que falar é como falar.

A sabedoria chinesa diz que temos dois ouvidos e uma boca para escutar mais e falar menos. Escute mais seu companheiro. A maior parte das brigas acontece, pois um entendeu errado o que o outro disse, e aí vira aquela bola de neve. Respire fundo. Comece novamente a conversa, quantas vezes forem necessárias e escute com carinho o que o outro está querendo dizer. Além disso, é importante também dizer o que sente, sem agredir o outro. Diga o que sente de forma honesta, clara e com o coração. O outro vai escutar.

Um relacionamento deve ser alegre, prazeroso, repleto de companheirismo, carinho e amor. Nós é que complicamos muito. Por isso, comece agora a usar essas dicas e seja feliz. Você, seu companheiro ou companheira merecem.

Gostou?
Compartilhe com carinho

Deixe uma resposta