O que podemos aprender com o dia de finados

Este feriado pode ter um significado maior que você ainda não sabe.

Em muitos países do mundo, o Dia de Finados é celebrado em 2 de novembro. Esta data foi sugerida pelo abade Odilon de Cluny. Este dia surgiu com o objetivo principal para relembrar a memória dos mortos, pessoas queridas que já se foram e rezar por essas pessoas. Porém, o Dia dos Mortos pode ter um significado ainda maior.

Todos nós sabemos que é muito difícil perder alguém, ainda mais quando essa pessoa foi embora de repente e tinha uma vida toda pela frente. Porém, ao invés de focarmos na falta que a pessoa nos faz, traga para a sua memória os momentos bons que vocês viveram juntos. Feche os olhos, sinta o momento novamente, traga todas os detalhes e se permita fazer essa viagem no tempo. No final, fique com essa lembrança guardada dentro de você.

Você pode se juntar com alguns familiares e amigos e conversar sobre as coisas boas que a pessoa queria fez enquanto estava aqui nesta vida. Conversem, dê risadas, lembre-se de momentos engraçados, bonitos, compartilhem isso com quem você ama e faça valer a pena cada segundo ao lado de quem você ama a partir de então.

Talvez o maior aprendizado que possamos ter nesse dia seja criar uma retrospectiva da nossa própria vida. Lembrar de alguém que já foi pode nos inspirar a mudar algumas atitudes em nossa vida ou então intensificar outras. Uma pergunta que vai gerar muito diálogo interno é: qual é o legado que estou deixando aqui? Faça essa reflexão e não viva uma vida na inércia. Você pode e merece o melhor para sua vida.

Gostou?
Compartilhe com carinho

Deixe uma resposta